AS ONDAS E O MAR

 

Ramana Maharshi: "Conhecer Deus, significa ser Deus"

Jesus Cristo: "O Pai e Eu somos UM"

(O Criador e Suas criaturas são UM)

 

 

Lá, no meio do Mar, nasce a onda.

Muitas e muitas ondas, ela já foi;

Incontáveis vezes morreu na praia

E retornou para o Mar, sua casa.

Idem vezes nasceu de novo, como onda.

E este ciclo prossegue, sem descanso,

Pois os retornos são inconscientes:

Ela nunca percebe que está em casa,

Que ela e o Mar são UM.

Acredita que, ao morrer como onda,

Simplesmente deixa de existir.

O que dela retorna ao lar nada percebe,

Exceto o desejo de tornar a ser onda...

Enquanto onda, é limitada por sua forma;

Enxerga outras formas, outras ondas;

Em tudo só vê diversidade e desarmonia,

Pensa que existe individualmente.

Enquanto onda, segue não sabe para onde,

Arrastada pelos elementos da natureza,

Embora ache que vai para onde quer...

Enquanto onda, tem mil e uma necessidades,

Ambições e medos; portanto, nenhuma Paz.

Sonha jamais morrer, jamais sofrer;

Teme as praias e os rochedos, em seu caminho.

No fundo, sabe que sua forma é transitória,

Que a amada existência como onda terá fim,

Que não há Paz e Felicidade, para as ondas.

Mas, a solução da vida desde sempre está nela,

Ou melhor: ela mesma é a própria solução,

Porque, em sua verdadeira e real essência,

Ela não é onda, mas sim o eterno e único Mar...

 

 

Textos relacionados:

Era uma vez, uma onda...

 

 

 

O fato do ser humano acreditar que é um indivíduo, um cidadão, uma pessoa, um corpo, uma forma de carne-e-osso, um nome com RG e CPF; o fato de acreditar que tem livre-arbítrio; acreditar, portanto, que é separado/diferente/independente de DEUS, é tão absurdo quanto uma onda acreditar que é separada/diferente/independente do mar. E tal absurdo egoísta, tal arrogância, tal ignorância espiritual, nós, "pessoas" comuns (ondas), temos cometido durante toda a Existência...

 

21/09/2012

 

 

http://quemsoueu00.blogspot.com/

www.000webhost.com